Enviar newsletter com PHPMailer

No Comments

Cada vez mais precisamos enviar emails para nossos clientes, com informativos de novos serviços, promoções, etc…

Fazer envios com autenticação SMTP, deixa sua mala direta mais confiável. Você faz essa autenticação usando um usuário de email e senha, criando um dono, uma identidade para essas mensagens.

Existe uma Classe PHP, que ajuda a fazer isso, estou falando da classe PHPMailer.

Veja um exemplo simples usando essa classe:


<?php

//IMPORTANDO CLASSE
require_once "PHPMailer5.1/class.phpmailer.php";

 //INSTANCIANDO
 $mail = new PHPMailer();
 $mail->SetLanguage = "en";
 //$mail->CharSet  = "8859-1";

 // EMAIL DO REMETENTE DA MENSAGEM
 $mail->From = "remetente@site.com.br";
 $mail->FromName = "Remetente";

 $mail->Mailer = "smtp"; //Usando protocolo SMTP
 $mail->Host = "mail.site.com.br"; //SERVIDOR SMTP

 // INFORMANDO NO EMAIL, O ASSUNTO DA MENSAGENS
 $mail->Subject = "Assunto da mensagens";

 //SEU EMAIL E SENHA PARA USAR NA AUTENTICACAO SMTP
 $mail->Username = "meu_email@site.com.br";
 $mail->Password = "senha";
 $mail->SMTPAuth = true; // AUTENTICACAO

 $mail->IsHTML(true);
 $mail->IsSMTP(); //SMTP

 //IMPORTANDO ARQUIVO HTML NO CORPO DA MENSAGEM (USADO MUITO COMO MALA DIRETA)
 $body           = file_get_contents('mala-direta/index.html');
 $mail->Body        = $body;

 //ENVIANDO
 $mail->AddAddress("destino@site.com.br");
 $mail->Send();

 //LIMPANDO RECIPIENTE
 $mail->ClearAllRecipients();

 //ENVIADO PELA 2 VEZ
 $mail->AddAddress("destino_2@site.com.br");
 $mail->Send();

 //LIMPANDO RECIPIENTE
 $mail->ClearAllRecipients();
?>

Download da Classe PHPMailer : http://phpmailer.worxware.com/

MSN Plus

No Comments

Novo MSN, agora é MSN Plus:

Muito mais ferramentas para você se divertir!!….

Não é outro software, e sim um complemento do Windows live Messenger. Você já usa, é só baixar e curtir!!……

Veja o Vídeo: (via Olhar Digital)

Link para baixar: http://www.superdownloads.com.br/redir.cfm?softid=20929

Pseudocelebridades – Redes de relacionamento

1 Comment

Encontrei esse vídeo na web (crônica/reportagem). Foi feito pela Fernanda Miki, acadêmia de Comunicação Social – hab. Jornalismo da Universidade do Sul de Santa Catarina.

Redes de relacionamento!

Assistiu !? Muito legal né !?

switch em PHP

1 Comment

A instrução switch é similar a uma série de instruções IFs seguidas.


<?php
if ($i == 0) {
 print "i igual a 0";
} elseif ($i == 1) {
 print "i igual a 1";
} elseif ($i == 2) {
 print "i igual a 2";
}

switch ($i) {
 case 0:
 print "i igual a 0";
 break;
 case 1:
 print "i igual a 1";
 break;
 case 2:
 print "i igual a 2";
 break;
}
?>

Um case especial é o default. Esse case é executado quando nenhum outro case combina. Ele precisa ser a última instrução case. Por exemplo:


<?php
switch ($i) {
 case 0:
 print "i igual a 0";
 break;
 case 1:
 print "i igual a 1";
 break;
 case 2:
 print "i igual a 2";
 break;
 default:
 print "i não é igual a 0, 1 ou 2";
}
?>

Mysql – Consulta LIKE

7 Comments

Iniciando em Mysql, veja como é simples trabalhar com consultas usando LIKE.

LIKE ‘__a%’
Vai ser buscado todos os itens que tenham a letra a na quarta posição da palavra.

LIKE ‘%a’
Palavras terminadas em a.

LIKE ‘a%’
Palavras começadas em a.

LIKE ‘a%b%c’
Palavra deve começar com a, ter no meio b e terminar com c.

NOT LIKE ‘%@%’
not like é retornado todos os dados que não tenham o valor definido nele, no caso, retorna tudo que não tenha @

campo LIKE ‘%@%’
Retorna todos os dados que tenham o valor definido nele, no caso, retorna tudo que tenha @

Exemplo:

SELECT * FROM `tb_tabela` WHERE campo LIKE "%a%"

MySQL – DATE_FORMAT

3 Comments

DATE_FORMAT na base MYSQL:

Dia
%d    Dia do mês com zero (01..31)
%e    Dia do mês sem zero (1..31)
%D    Dia do mês com sufixo inglês (1st, 2st, 3st..)
%j    Dia do ano (001..365-366)

Mês
%m    Mês númerico com zero (01..12)
%c    Mês númerico sem zero (1..12)
%M    Nome do mês (January..December)
%b    Nome do mês abreviado (Jan..Dec)

Ano
%Y    Ano com 4 dígitos
%y    Ano com 2 dígitos

Semana
%w    Número do dia da semana (0=Domingo..6=Sábado)
%W    Nome do dia da semana (Sunday..Saturday)
%a    Nome do dia da semana abreviado (Sun..Sat)
%U    Número da semana onde Domingo é o primeiro dia da semana (00..53)
%u    Número da semana onde Segunda-feira é o primeiro dia da semana (00..53)
%V    Número da semana onde Domingo é o primeiro dia da semana (01..53)
%v    Número da semana onde Segunda-feira é o primeiro dia da semana (01..53)

Hora – Minutos – Segundos
%H    Hora com zero (00..23)
%k    Hora sem zero (0..23)
%h    Hora com zero (01..12)
%I    Idem – Hora com zero (01..12)
%l    Hora sem zero (1..12)
%i    Minutos com zero (00..59)
%S    Segundos com zero (00..59)
%s    Idem – Segundos com zero (00..59)
%p    AM ou PM
%r    Horário formatado (hh:mm:ss) seguido de AM ou PM
%f    Microsegundos (000000..999999)

Exemplo de uso com PHP: Consulta no banco:


' SELECT *, DATE_FORMAT(data, "%d/%m/%Y") data_txt FROM tabela  ';

Conexão no FTP usando PHP

1 Comment

Precisa conectar no FTP, via script PHP ?. Então veja como é simples!


//CONEXAO COM O HOST
$ftp         = ftp_connect("ftp.site.com.br");
//LOGIN E SENHA
$ftp_login     = ftp_login($ftp,"user","senha");
//FECHANDO A CONEXAO
ftp_close($ftp);

Simples fechar e abrir uma conexão não!?. Você pode usar isso para varias coisas, como uma por exemplo, é mudar permissões de pastas para efetuar um upload de algum arquivo ou imagem, afinal FTP significa File Transfer Protocol (Protocolo de Transferência de Arquivos), e é uma forma bastante rápida e versátil de transferir arquivos (também conhecidos como ficheiros), sendo uma das mais usadas na internet.

Olha como é simples também:


//CONEXAO COM O HOST
$ftp         = ftp_connect("ftp.site.com.br");
//LOGIN E SENHA
$ftp_login     = ftp_login($ftp,"user","senha");
//MUDANDO PERMISSÃO DA PASTA
ftp_site($ftp, 'CHMOD 0777 /httpdocs/admin/upload/arquivos');

//MOVENDO ARQUIVO PARA A PASTA
move_uploaded_file($tempFile,$targetFile);

//MUDANDO PERMISSÃO DA PASTA
ftp_site($ftp, 'CHMOD 0755 /httpdocs/admin/upload/arquivos');

//FECHANDO A CONEXAO
ftp_close($ftp);

disable_functions – Como desabilitar Funções no PHP

No Comments

Quando desenvolvemos com foco para WEB, devemos nos preocupar muito com a segurança. Hoje a linguagem PHP é uma das mais usadas para criação de websites, hotsites, sistemas web.

Segue  abaixo, uma dica  simples mais eficiente,  para melhorar a segurança de suas aplicações usando a liguagem de programação PHP.

No arquivo de configuração do PHP, “php.ini” , existe uma diretiva que desabilita comandos, funções pré escolhidas. Estamos falando da “disable_functions”.

Para desabilitar uma função, é bem simples:


disable_functions = phpinfo,exec,proc_open

Nesse, exemplo, você desabilitou 3 funções: phpinfo,exec e proc_open. E você pode desabilitar quantas quiser, só separar cada uma por virgula (,).

Vejam abaixo algumas funções que podem oferecer risco à segurança do sistema:

* phpinfo,
* dir,
* readdir,
* sacndir,
* opendir,
* apache_child_terminate,
* apache_setenv,
* define_syslog_variables,
* escapeshellarg,
* escapeshellcmd,
* dl,
* eval,
* exec, set_time_limit,
* ftp_connect,
* ftp_exec,
* ftp_get,
* ftp_login,
* ftp_nb_fput,
* ftp_put,
* ftp_raw,
* ftp_rawlist,
* highlight_file,
* ini_alter,
* ini_set ini_get_all,
* ini_restore,
* mysql_pconnect,
* openlog,
* passthru,
* php_uname,
* popen,
* ocilogon,
* posix_getpwuid,
* posix_kill,
* posix_mkfifo,
* posix_setpgid,
* posix_setsid,
* posix_setuid,
* posix_uname,
* proc_close,
* proc_get_status,
* proc_nice,
* proc_open,
* proc_terminate,
* shell_exec,
* system,
* syslog,
* xmlrpc_entity_decode

- disable_function é uma diretiva e não uma variável, e ela desabilita a função.

CEO da Adobe responde carta de Steve Jobs

No Comments

Depois de Steve Jobs, publicar sua carta, dizendo os motivos de não usar aplicações em Flash, nos produtos da Apple, foi a vez do CEO da Adobe Shantanu Narayen, responder as afirmações.

Entre muitas coisas, ele explica que os problemas de qualidades, estão no sistema da Apple e não no Flash.

O CEO fala também, que o novo CS5 – pacote Creative Suite 5, podem ser utilizados em diversos dispositivos, acreditando em uma visão multiplataforma de desenvolvimento de conteúdo.

Mas, no geral ele não responde claramente nenhuma das 7 questões levantadas por Jobs.

A entrevista foi feita pelo Wall Street Journal, assista na integra em inglês:

http://blogs.wsj.com/digits/2010/04/29/live-blogging-the-journals-interview-with-adobe-ceo/

Carta de Steve Jobs – Reflexões sobre Flash

No Comments

Numa rara manisfetação oficial, Steve Jobs publicou uma carta elencando os motivos pelos quais seus dispositivos móveis ( iPhone, iPod e iPad) não usam e não usarão o Flash da Adobe.

O olhardigital.com.br fez a tradução. Você que é desenvolvedor ou usuário e gosta desse mundo, precisa ler:

http://ow.ly/1EMjD

Veja também, a carta Oficial:

http://www.apple.com/hotnews/thoughts-on-flash/

Older Entries Newer Entries